Famup celebra encerramento de lixão durante comemoração de emancipação política de Sapé

Por Múltipla - em 61

A Federação das Associações dos Municípios da Paraíba (Famup) celebrou, no último domingo (1º), o fechamento de mais um lixão. Desta vez, no município de Sapé, na região da Zona da Mata Paraibana.  A ação faz parte do projeto Fim dos Lixões da Famup e Ministério Público da Paraíba e foi uma das atividades que marcou os 94 anos de emancipação política da cidade.

Durante o evento, o prefeito de Sapé, Roberto Feliciano, ao lado do vice-prefeito Edson Figueiredo lançaram os projetos ‘Lixo Zero’ e ‘Quem ama Sapé, não joga lixo nas ruas’, destinado à conscientização da população sobre a preservação do meio ambiente. Na ocasião, o prefeito anunciou o fim do lixão da cidade.

Para o presidente da Famup, George Coelho, esta é mais uma ação ‘Fim dos Lixões’ e que traz bons frutos para o município de Sapé. “O encerramento do lixão representa não só um ganho ambiental para cidade de Sapé, mas também uma redução de problemas de saúde ocasionados pelo acúmulo de lixos na cidade, consequentemente, com esta ação ganha o município e sua população”, frisou.

O prefeito de Sapé, Flávio Roberto Feliciano, destacou a relevância que o fim do lixão tem para cidade. “Com o fechamento do lixão da cidade Sapé mostra que avança e se desenvolve demonstrando uma preocupação com a preservação do nosso meio ambiente, mas também com a melhor qualidade de vida que passa a ser proporcionada a nossa população”, afirmou.

O gestor da cidade, que é conhecida pelo seu potencial na produção do abacaxi, ressaltou ainda que o trabalho da Famup em parceira com o Ministério Público com o intuito de por um fim nos lixões do municípios paraibanos é mais uma forma de poder ver se desenvolver as cidades da nossa Paraíba.

Além da Famup, representantes do Ministério Público da Paraíba estiveram presentes na atividade que encerrou o lixão. A ação faz parte do projeto ‘Fim dos Lixões’, realizado pela Famup em parceria com o MPPB e com apoio das prefeituras.