Famup lamenta morte de prefeito de Guarabira, Zenóbio Toscano e destaca atuação política

Por Múltipla - em 59

A Federação das Associações dos Municípios da Paraíba (Famup) lamentou o falecimento do prefeito de Guarabira, Zenóbio Toscano, ocorrida na manhã deste domingo (14), em um hospital privado de João Pessoa. O gestor da havia sido internado no último dia 6 para se tratar de Covid-19, mas na noite do sábado (13) sofreu um AVC, tendo seu quadro clínico agravado e não resistindo.

“É com grande pesar que recebemos a triste notícia do falecimento de Zenóbio Toscano. Uma pessoa que fez história na política paraibana, sobretudo, na política municipalista como prefeito de Guarabira por três gestões. Sem sombra de dúvidas é um homem que deixa seu legado”, lamentou o presidente da Famup, George Coelho.

A Famup externou ainda os sentimentos aos amigos e familiares. “Vivemos um momento delicado e perder alguém querido em uma fase tão desafiadora como a que estamos enfrentando é ainda mais doloroso. Palavras não são suficientes, por isso, rogo a Deus para que conceda aos familiares e amigos de Zenóbio o consolo necessário e força para saberem lidar com a perda deste homem que fará falta na vida de quem convivia com ele para além da política”, disse George.

Zenóbio Toscano – Nascido em 4 de setembro, no município de Ingá, na Paraíba, Zenóbio era formado em engenharia; casado com a ex-deputada estadual Léa Toscano; pai de quatro filhos, entre eles a atual deputada estadual Camila Toscano, e avô.

Na política, Zenóbio começou a vida pública sendo prefeito da cidade de Guarabira. Em 15 de novembro de 1982 foi eleito com 50,44% dos votos válidos, na disputa ao lado de Jáder Pimentel – PDS (49,09%) e Ademir Leal – PT (0,47%). Em 1990 concorre pela primeira vez a deputado estadual na Paraíba pelo PMDB, conseguindo a expressiva votação de 14.936 votos, sendo o oitavo mais votado do pleito. Em 03 de outubro de 1994 é eleito mais uma vez deputado estadual com a votação de 34.837 sendo o deputado mais votado do estado.

Em 4 de outubro de 1998 Zenóbio conquista mais uma vez uma vaga na Assembléia Legislativa do Estado. Em 2001, deixa o PMDB e filia-se ao PSDB. Em outubro de 2002 é eleito para seu quarto mandato como deputado estadual na Paraíba. Em 2006 é novamente o mais votado do Estado, para deputado, com a votação de 38.265 votos. Foi a última vez que Zenóbio disputou o cargo de deputado estadual.

Em de outubro de 2012 foi eleito prefeito de Guarabira para o mandato de 2013 – 2016 eleito com 16 mil votos. Em 2016 foi reeleito prefeito de Guarabira para o mandato de 2017-2020 com 15.609 votos, tendo que se afastar das funções após sofrer um Acidente Vascular Cerebral Isquêmico (AVCI).