Famup pede apoio da bancada federal para defender urgência na votação do Plano Emergencial do SUAS

Por Múltipla - em 303

A Federação das Associações de Municípios da Paraíba (Famup) buscará dialogar com a bancada federal paraibana no Congresso Nacional para discutir a necessidade de urgência na votação e aprovação do Projeto de Lei nº. 4292/2020 que dispõe sobre ações emergenciais destinadas ao reforço do Sistema Único de Assistência Social (SUAS) para o atendimento e acompanhamento à população em situação de vulnerabilidade e risco social e pessoal durante o estado de calamidade pública causada pelo coronavírus.

“É preciso que a Câmara dos Deputados coloque em pauta esse projeto que é importante para todo o Brasil, sobretudo para os municípios que ainda lutam contra o coronavírus. Os recursos empregados no SUAS contribuirá para que as gestões possam desenvolver ações voltadas ao enfrentamento a essa doença, principalmente no colhimento de pessoas em situação de vulnerabilidade e risco social. Por isso, vamos conversar com a nossa bancada de deputados para viabilizar a urgência na votação dessa matéria”, afirmou George Coelho, presidente da Famup.

O Projeto de Lei 4292/20 destina, ainda em 2020 e em parcela única, R$ 4 bilhões ao Sistema Único de Assistência Social, para financiar os serviços de acolhimento e atendimento de pessoas em situação de rua, mulheres vítimas de violência, idosos, pessoas com deficiência, imigrantes e pessoas em vulnerabilidade temporária, entre outros, em decorrência principalmente da pandemia de Covid-19.

A Famup destaca ainda que visando intensificar a mobilização em torno da aprovação do Projeto voltado ao Plano Emergencial do Sistema Único de Assistência Social foi criado o site https://votasuas.com.br. Lá é possível encontrar o posicionamento atual dos 513 deputados/deputadas federais, em relação ao projeto, além de um abaixo-assinado de apoio e acesso a um grupo de WhatsApp criado também para debater e articular formas de mobilização para levar o PL 4292/20 para votação.

George Coelho destacou o papel fundamental do Congemas e Coegemas que fizeram intensa mobilização para os líderes dos partidos assinarem a tramitação do projeto de Lei 4.292/2020 em regime de urgência, a qual foi aprovada. Agora a mobilização deve continuar para colocá-lo em votação pelo presidente da Câmara dos Deputados, o deputado Rodrigo Maia (DEM-RJ).

Page Reader Press Enter to Read Page Content Out Loud Press Enter to Pause or Restart Reading Page Content Out Loud Press Enter to Stop Reading Page Content Out Loud Screen Reader Support